Programa Erasmus+ Educação e Formação

A estrutura do Programa Erasmus+ faz a evolução do anterior programa Aprendizagem ao Longo da Vida (PALV).

O Erasmus+ está estruturado em 3 ações, Acão-chave (key action KA), as atividades Jean Monnet e Desporto organizadas da forma seguinte:

  • Ação-chave 1: Mobilidade individual;
  • Ação-chave 2: Cooperação para a inovação e intercâmbio de boas práticas;
  • Ação-chave 3: Apoio à reforma das políticas;
  • Atividades Jean Monnet;
  • Desporto.

A participação do ISCTE-IUL no Programa Erasmus+ realiza-se ao abrigo da Carta Erasmus+ para o Ensino Superior (ECHE), concedida em 2014 e em vigor até 2020. No âmbito da sua Declaração de Política Erasmus+ oferece oportunidades de mobilidade individual para fins aprendizagem ou formação para os seus estudantes, recém-graduados, pessoal docente e não docente.

Erasmus Charter for Higher Education 2014-2020

ISCTE-IUL Erasmus Policy Statement

Países do Programa

Os Estados-Membros da União Europeia: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polónia, Portugal, Reino Unido, República Checa, Roménia e Suécia;

Estados da EFTA: Islândia, Liechtenstein e Noruega;

Estados candidatos à adesão: Antiga República Jugoslava da Macedónia e Turquia.

Acão-chave 1: Mobilidade individual

A mobilidade individual apoia, entre outros, os projetos de mobilidade nos domínios da educação, formação e juventude, oferecendo oportunidades aos estudantes e recém-graduados de melhorarem as suas competências a sua empregabilidade e de ganharem consciência cultural.

Esta mobilidade permitirá aos beneficiários viajarem para outro país participante, a fim de estudar e/ ou trabalhar.

Assim, esta ação abrange dois tipos de mobilidade:

  • Mobilidade estudos - compreende a realização de um período de estudos numa instituição de ensino superior de outro país participante, com duração mínima de 3 meses e máxima de 12 meses, por ciclo de estudos;
  • Mobilidade estágio - realização de estágios em empresas, centros de formação, centros de investigação ou outras entidades de outro país participante, com duração mínima de 2 meses e máxima de 12 meses, por ciclo de estudos. (Os recém-graduados também podem realizar uma mobilidade para estágio até um ano, após a conclusão do curso. Para usufruir desta oportunidade, o estudante deve apresentar candidatura no último ano do curso.)

Para aceder à mobilidade Erasmus+ o estudante do ISCTE-IUL deverá consultar a mobilidade passo-a-passo.

Voltar ao topo