Docentes

Abílio Oliveira é licenciado em engenharia informática (curso de 5 anos, pré Bolonha). Fez mestrado e doutoramento em psicologia social. Tem Agregação em Ciências e Tecnologias da Informação (associada à lição 'O impacto do desenvolvimento e uso de aplicações gamificadas na perceção e adoção do e-banking em Portugal'). É Professor no Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação, onde leciona nas áreas da programação, sistemas de informação, metodologias de investigação, informática aplicada à gestão e às ciências sociais. Tem estado ligado a várias associações e grupos de investigação, como o Núcleo de Estudos do Suicídio, a Sociedade Portuguesa de Suicidologia, o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), o Centro de Investigação em Sistemas e Tecnologias de Informação Avançados (ADETTI-IUL) e, actualmente, Information Sciences, Technologies and Architecture Research Center (ISTAR-IUL). Defende a multidisciplinaridade e, para além das tecnologias da informação e computação aplicada, interessa-se muito pelas ciências sociais, da educação e da saúde. Tem estado envolvido em trabalhos que versam temáticas como a morte, a prevenção do suicídio, a aprendizagem, a sociedade da informação, as ciberculturas, as redes sociais e, sobretudo, a informática e computação aplicada, visando contribuir para a participação cívica, cidadania digital e a mudança social, a educação, a saúde, bem como para o desenvolvimento de sistemas de informação, a adopção e a divulgação de tecnologias de informação e o uso da gamificação; em suma, tem como maior foco a informática e computação aplicada em diferentes contextos no estudo do comportamento humano. Tem participado em vários eventos científicos e outras acções, a nível académico, escolar e social. É também autor de diversos artigos editados em publicações científicas nacionais e estrangeiras, assim como de alguns livros, como: Olhar Interior (1999), SobreViver (2001), O Desafio da Morte (2008), Ilusões na Idade das Emoções (2008), Passagem (2009), O Desafio da Vida (2011) ou Demanda (2014). Realizou programas de rádio, sempre gostou de praticar desporto, defende um mundo sustentável, uma vivência saudável e é vegetariano. Acima de tudo, é um apaixonado pela Vida.
Adolfo Cartaxo nasceu em Montemor-o-Novo, Portugal. Licenciou-se em Engenharia Electrotécnica e de Computadores pelo Instituto Superior Técnico (IST), Universidade Técnica de Lisboa, em 1985. Obteve os graus de Mestre e Doutor em Engenharia Electrotécnica e de Computadores, no IST. A tese de doutoramento tratou da optimização do circuito de sincronismo em comunicações ópticas com detecção directa. Em Fevereiro de 2005, obteve a Agregação em Engenharia Electrotécnica e de Computadores, no IST. Em 1985, entrou para o Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores do IST como Assistente Estagiário. Em 1992, passou a Professor Auxiliar e foi promovido a Professor Associado em Janeiro de 2002. Em Setembro de 2016, entrou para o Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa como Professor Catedrático. Ao longo destes anos, leccionou e foi responsável de várias disciplinas de Telecomunicações, tendo redigido apresentações e / ou textos pedagógicos para a maior parte das disciplinas de que foi responsável. Foi orientador de 9 dissertações de Mestrado pré-Bolonha (das quais duas em co-orientação), 31 dissertações de Mestrado pós-Bolonha (das quais quinze em co-orientação) e 10 teses de Doutoramento já concluídas (das quais quatro em co-orientação), e é actualmente orientador de 3 teses de Doutoramento (em co-orientação) e de 1 dissertação de Mestrado (em co-orientação). Em 1993, entrou como investigador para o Grupo de Comunicações Ópticas (CO) do pólo de Lisboa do Instituto de Telecomunicações (IT) onde é actualmente investigador sénior e, desde Janeiro de 2002, membro da Comissão Coordenadora Nacional da Área de CO. Foi investigador responsável pela participação do IST ou pólo de Lisboa do IT em nove projectos europeus de investigação e desenvolvimento na área das telecomunicações por fibra óptica. Foi investigador responsável por seis projectos nacionais, e três projectos internos do IT. Foi investigador responsável pela participação do IST-IT em dois projectos de cooperação com o Brasil na área das redes ópticas. Tem sido auditor e avaliador técnico de projectos dos programas europeus "Advanced Communications Technologies and Services: european RTD" e "Information Society Technologies". Tem sido revisor regular das seguintes publicações internacionais: Optics Express, IEEE/OSA Journal of Lightwave Technology, IEEE Photonics Technology Letters, IEEE Transactions on Communications e IEEE Photonics Journal. É membro sénior da IEEE Laser and Electro-Optics Society desde Novembro de 2002. É autor ou co-autor de mais de 130 artigos em revistas científicas internacionais (17 como primeiro autor) e mais de 170 comunicações em conferências internacionais. É co-autor de duas patentes. Os seus principais interesses de investigação são sistemas e redes de telecomunicações por fibra óptica.
Américo Correia foi Director do Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação do ISCTE-IUL de Junho de 2010 a Junho de 2013
Ana Maria de Almeida tem um Doutoramento em Matemática e possui uma forte formação em Computação os seus interesses de investigação centram-se em Algoritmia, CMachine Learning, Extração e Reconhecimento de Padrões e Algoritmos Genéticos e Computação Evolucionária. Participa(ou) em estudos e projetos científicos internacionais e nacionais. Tem especial interesse em estratégias evolutivas para problemas multicritério, bem como construção de modelos preditivos autoajustáveis para aplicações reais. Presidiu (ou co-presidiu) importantes conferências internacionais em Ciências da Complexidade e Informática, participou em projectos de investigação fundamental e aplicada e em projectos de investigação e inovação entre o meio académico e a indústria, tanto a nível nacional como internacional
Obteve o doutoramento (2009) sob a orientação de Kai Koskimies (Tampere University of Technology) e Antónia Lopes (Universidade de Lisboa) na área de frameworks orientadas por objetos e linhas de produto de software. Atualmente desenvolve a atividade de investigação em dois eixos principais: - Componentes de software e usabilidade de APIs: formas automatizadas de compor e integrar componentes de software (linhas de produto); ferramentas de apoio à utilização e aprendizagem de APIs. - Pedagogia da programação: ferramentas pedagógicas para auxílio no processo ensino-aprendizagem da programação (AguiaJ, PandionJ); sistemas de avaliação automática. Investigador visitante na Carnegie Mellon University (2014) ao abrigo do programa CMU-Portugal, trabalhando com Brad A. Myers. Membro da comissão de programa das conferências Koli Calling International Conference on Computing Education Research (2017-2019) e INFORUM/SOFT-PT (2017-2019).
Bráulio Alexandre Barreira Alturas nasceu em Lisboa em 1964, mas sempre viveu em Queluz, é doutorado em Organização Gestão de Empresas com especialização em Marketing (2005), Mestre em Ciências Empresariais com especialização em Sistemas de Informação de Gestão (1995) e Licenciado em Organização e Gestão de Empresas (1989), pelo ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa. Atualmente é Professor Associado do ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa do Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação, e investigador do ISTAR-IUL (Centro de Investigação em Ciências da Informação, Tecnologias e Arquitetura). É ainda Diretor do curso de Mestrado em Gestão de Sistemas de Informação. Coordenador de várias unidades curriculares de Informática Aplicada à Gestão e Ciências Sociais e docente em Mestrados e Pós-graduações, bem como formador na área dos Sistemas de Informação Organizacionais.
Carlos Coutinho é Professor Auxiliar no ISCTE-IUL, e é o CEO e Responsável de I&D na empresa Caixa Mágica Software, S.A. em Lisboa, Portugal. Obteve o grau de doutor (Ph.D.) em Engenharia Eletrotécnica e Computadores em 2013, pela Universidade Nova de Lisboa (FCT-UNL), Portugal. É responsável pela área de Cloud Computing no ISCTE-IUL, onde também faz investigação no ISTAR-IUL, com interesses em Interoperabilidade Empresarial, Plataformas Adaptáveis e Sistemas, SOA e Engenharia orientada a Modelos (MDE). Tem mais de quinze anos de experiência no ensino das áreas de TI nas universidades portuguesas ISEL, ISCAL, ISGB e ISCTE-IUL. Tem seis publicações em revistas científicas internacionais indexadas e mais de vinte publicações em conferências internacionais com revisão, e faz parte do comité científico de quatro revistas e seis conferências internacionais anuais. Fez parte do Júri e Arguente na defesa de quatro PhD e sete MSc. Tem o título PMP do Project Management Institute, e uma pós-graduação em Gestão de Projetos pelo Instituto Superior Bissaya-Barreto (ISBB) de Coimbra, Portugal. Tem mais de vinte anos de experiência em engenharia de TI empresarial, trabalhando em diversas áreas de TIC, Serviços, Administração Pública e na indústria Aeroespacial, em vários projetos multinacionais pela CMS e em empresas como a Alcatel, Siemens e Critical Software. Participou e foi responsável pela companhia em múltiplos Projetos Europeus como o Athena (FP6), TIMBUS (FP7), C2NET e vf-OS (H2020), e numerosos projetos para a ESA (EGOS, OCDT, SCOS-2000 e Galileo).
Nasceu em Lisboa em 1973. Licenciado em Informática e Gestão de Empresas, no ISCTE-IUL, em 1997. Mestre em Gestão de Sistemas de Informação, no ISCTE-IUL, especialização na área de Segurança de Informação, em 2004. Doutoramento em Arquitectura de Computadores e Sistemas Distribuídos, na Universitat Politécnica de Catalunya (Barcelona), em 2008. Desde 2020 que é Professor Associado no ISCTE-IUL, Departamento de Ciências e Tecnologias de Informação, em que leciona diversas unidades curriculares relacionadas com Segurança de Informação, Gestão e Desenvolvimento de Sistemas de Informação Web e Mobile-based, Gestão de Projetos de TIC e Empreendedorismo. Foi igualmente investigador na ADETTI-IUL, nas áreas de “Sistemas e Aplicações Distribuídas e Segurança de Informação”, “Gestão e Proteção de Propriedade Intelectual Digital” e “Desenvolvimento de SI para a Web e Mobile”, tendo estado integrado no grupo NUIGRAM (Natural User Interaction Graphics and Mobility). Desde Janeiro de 2015 que faz parte da ISTAR-IUL, estando integrado no grupo SSE (Software Systems Engineering), onde trabalha nas mesmas áreas de investigação. Investigador associado do DMAG – Distributed Multimedia Applications Group (UPC, Espanha). Desde 1996, que tem vindo a participar em múltiplos projetos nacionais e internacionais financiados pela FCT, União Europeia, pela Agência Espacial Europeia assim como por entidades privadas. É o autor e co-autor de dezenas de artigos e comunicações científicas em conferências internacionais, jornais e revistas assim como relatórios de projeto. É igualmente autor de diversos livros de desenvolvimento de aplicações com a linguagem de programação PHP. Membro da OWASP (Open Web Applications Security Project) e membro do capítulo português (desde 2007) colaborando na divulgação, organização de eventos e em alguns projetos da organização. Membro fundador da Associação Portuguesa para a Promoção da Segurança de Informação (AP2SI). Empreendedor em startups na área das TIC.
Caroline Conti was graduated in Electrical Engineering by University of São Paulo, Brazil, in 2010, and received her PhD degree in Information Science and Technology by ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), in June of 2017. She is currently a Postdoctoral Researcher at Instituto de Telecomunicações (IT), and also an Invited Assistant Professor at the Department of Information Science and Technology of ISCTE-IUL. Caroline has been working in the area of light field visual media, making her major contributions to the area of light field content processing, representation, and coding. This was also the subject of her PhD Thesis entitled Efficient Solutions for Light Field Coding. She has more than 8 years of research experience in Portugal and, for this period, she has been participating in many national and international research projects addressing immersive multimedia technologies, where she has actively collaborated with experts from academia and industry in this field. More significantly, she has participated in the European Commission’s project 3D VIVANT (Live Immerse Video-Audio Interactive Multimedia) and has been a research intern at the light field display company Holografika Kft., in Budapest, Hungary. Previous work experience also includes working as a research assistant at IT, and as a lecturer for different courses in Telecommunications and Computer Engineering degrees at ISCTE-IUL. She has also been a member of Organizing Committees of international conferences, more recently, in the International Conference on Quality of Multimedia Experience (QoMEX) in 2016. Overall, she has contributed more than 20 publications in high Impact Factor journals and in renowned international conferences. She is also author of four book chapters published by Springer. According to Google Scholar, her published work has had more than 470 citations since 2015. Additionally, she has secured many competitive scholarships, including the FCT Stimulus of Scientific Employment 2017 program, in which she ranked in the first place in the Junior Researcher category with maximum score of 10. She has also been recognized with many awards/distinctions in national and international conferences and competitions. More significantly, in 2017, she won the 27th edition of the IBM Scientific Prize, which is arguably the most prestigious prize in Computer Science and related fields of Engineering in Portugal.
Catarina Ferreira da Silva é Professora Associada (2021), com Agregação em Ciências e Tecnologias da Informação (2020). Trabalha na área disciplinar de Sistemas de Informação no Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação (DCTI) da Escola de Tecnologias e Arquitectura (ISTA) do ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). É membro integrado do grupo de Sistemas de Informação do centro de investigação ISTAR-IUL desde 2020. É também investigadora do grupo de Sistemas de Informação do Centro de Informática e Sistemas da Universidade de Coimbra (CISUC) desde 2009. Co-orientou 4 teses de doutoramento defendidas e está a co-orientar 4 outras teses de doutoramento em curso. Co-organizadora da escola de Inverno IoT and Blockchain for smart cities (2020), ISCTE-IUL, ISTAR-IUL. É, desde 2020, membro do painel de especialistas do Observatório e Fórum Europeu de Blockchain. O Observatório e Fórum de Blockchain da UE é uma iniciativa patrocinada pela Comissão Europeia, Direcção-Geral de Redes de Comunicações, Conteúdo e Tecnologia. Chamada de artigos, special issue on Energy Efficiency of Blockchain and Distributed Ledger Technologies, revista Energies, ISSN 1996-1073, factor de impacto 3.004, Web of Science Core Collection, classificação Scopus quartil Q1, data limite 31/12/2021. Participou em vários projectos financiados por fundos Europeus (Keystone, Nebula, Trust, Towntology, Tempus Mitcon, CONNIE, FUNSIEC, SPICE), esteve envolvida na coordenação dos projectos financiados por fundos Europeus Bliss - Blockchain for ICT Professionals (2017-2020) e VET4APPS (2014-2016), os quais ambos receberam a distinção Exemplo de boas práticas da Comissão Europeia. Entre Outubro de 2019 e Janeiro de 2021 foi Professora Auxiliar do DCTI, ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa. Entre 2013 e 2019 foi Professora Associada do Departamento de Engenharia Informática do Instituto Universitário Tecnológico da Universidade de Lyon 1, Campus LyonTech-La Doua, França. Foi também, durante esse período, Investigadora Integrada membro da equipa Service Oriented Computing (SOC) do CNRS Laboratory of Informatics on Images and Information Systems (LIRIS UMR 5205) de Lyon. Entre 2009 e 2012 foi Investigadora Auxiliar na Universidade de Coimbra, membro do grupo de Sistemas de Informação do CISUC, Coimbra.   Em 2008 e 2009, foi Professora Convidada do Departamento de Informática da Universidade de Lyon 1 e Investigadora membro da equipa SOC do laboratório LIRIS UMR 5205, França. Entre 2004 e 2007, durante a preparação do seu doutoramento em Informática, trabalhou como Engenheira Investigadora no Departamento de Tecnologias de Informação e Disseminação de Conhecimento (Divisão de Inovação e Serviços) do Centro Científico e Técnico para a Construção (CSTB) de Sophia-Antipolis, França. De 2004 a 2006 foi monitora de ensino no Departamento de Informática do Instituto Universitário Tecnológico (IUT) da Universidade Côte d'Azur, Nice e Sophia-Antipolis, França. Catarina Ferreira da Silva estudou na Universidade de Aveiro (Licenciatura pré-Bolonha, 1994-1999), na Universidade de Coimbra (pós-graduação, 2001-2002), no Instituto Nacional de Ciências Aplicadas de Lyon (Mestrado em Informática – Sistemas de Informação, 2002-2003) e na Universidade de Lyon 1 (Doutoramento em Informática, 2004-2007). Linkedin.com     Publons     
Doutorado em Engenharia Informática pelo Instituto Superior Técnico (IST, 2011), é atualmente Professor Associado no ISCTE-IUL e investigador integrado do INESC-ID Lisboa. É atualmente o Coordenador Executivo da Área Científica Human Language Technologies (HLT) do INESC-ID (2020-) e membro do Conselho Científico do INESC-ID (2017-). Foi Presidente do Conselho Pedagógico do ISCTE-IUL (2017-2019), membro da Comissão Permanente do Conselho Pedagógico do ISCTE-IUL (2015-2017). Participou em vários projetos nacionais e europeus, tendo coordenado a equipa do INESC-ID no âmbito do projeto europeu SPEDIAL (2014-2015). É atualmente o coordenador científico do projeto AppRecommender (2019-2021). Os seus atuais interesses de investigação centram-se no processamento da língua natural, aprendizagem automática e Text Mining para as redes sociais. Participou na organização de vários encontros científicos internacionais: PROPOR 2020 (Évora), EAMT 2020 (Lisboa), IPMU2020 (Lisboa), ENMLP 2015 (Lisboa). Tem estado envolvido na organização da escola de verão LxMLS - Lisbon Machine Learning Summer School, desde 2016. É membro da ISCA Speech e Senior Member do IEEE (2016-).
Fernando Brito e Abreu é doutorado em Engenharia Informática pelo IST/UTL e professor associado do Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação do ISCTE-IUL, onde dirige o Mestrado em Informática e Gestão (MIG), sendo membro do Concelho Científico do ISCTE-IUL em representação da Unidade de Investigação ISTAR-IUL. Anteriormente foi professor auxiliar do Departamento de Informática da FCT/UNL, tendo exercido também funções docentes no ISEGI/UNL (atualmente NOVA IMS), IST/UTL, ISEG/UTL e na Academia da Força Aérea. Foi ainda professor convidado do Département Informatique da École des Mines de Nantes durante uma década, no âmbito do mestrado europeu EMOOSE. Nessas universidades foi / tem sido responsável e lecionado disciplinas de 1º ciclo (Engenharia de Software, Análise de Sistemas, Conceção e Desenvolvimento de Sistemas de Informação, Programação Orientada a Objetos, Introdução à Programação), 2º ciclo (Arquiteturas de Software, Desenho de Software Orientado a Objetos, Qualidade do Produto e do Processo, Metodologias de Investigação) e 3º ciclo (Engenharia de Software Experimental). Foram concluídas, ou estão em fase de conclusão, cerca de 30 dissertações (incluindo 7 doutoramentos) sobre sua orientação. Foi investigador no Grupo de Engenharia de Software do INESC Lisboa, no centro de investigação CITI (Centro de Informática e Tecnologias da Informação) da FCT/UNL e posteriormente foi um dos fundadores da unidade de investigação ISTAR-IUL no ISCTE-IUL, onde criou e liderou o grupo de Software Systems Engineering, em que permanece atualmente. Promoveu a celebração de vários protocolos de investigação aplicada / transferência de tecnologia e/ou colaboração entre: (i) INESC e Marinha Portuguesa, (ii) CS/03 e itSMF Portugal, (iii) NAV EPE e FCT/UNL, (iv) SINFIC e FCT/UNL, (v) Turismo de Portugal e ISCTE-IUL e (vi) GEOTA e ISCTE-IUL. Para além de projetos financiados e desenvolvidos no âmbito desses protocolos, tem coordenado equipas de investigação em vários projetos científicos financiados pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia e outros projetos de extensão universitária, como por exemplo com os Correios de Portugal, a Portugal Telecom ou a Assembleia da República. Produziu perto de duas centenas de textos científicos e técnicos, incluindo artigos em revistas como: Science of Computer Programming, Journal of Systems and Software, IEEE Latin America, Object Expert, Computer Standards & Interfaces, ERCIM News, Personal Computer World, L'Objet, Qualirama, Sistemas de Informação e Interface. O seu trabalho é citado perto de 2800 vezes (h-index 23), de acordo com o Google Scholar. Foi pioneiro em Portugal na Engenharia de Software Empírica com o seu grupo de investigação QUASAR (QUantitative Approaches in Software engineering And Reengineering). Entre as suas propostas estão o conjunto MOOD (Metrics for Object Oriented Design), atualmente utilizado na indústria de software e a abordagem Metamodel Driven Measurement (M2DM). Esta última permite a formalização abstrata de métricas sobre um metamodelo de domínio usando OCL, uma linguagem de especificação de restrições que faz parte do UML. O M2DM foi aplicado em vários domínios (por exemplo, desenho orientado a objetos, desenvolvimento baseado em componentes, modelação de processos de negócios, modelação de infraestruturas de TI). É desde 2014 editor associado da revista Software Quality Professional da American Society for Quality, delegado português na IFIP TC2 (Software: Theory and Practice) e membro da equipa técnica do modelo de processo MPS.BR, largamente usado no Brasil. Tem sido revisor regular em várias revistas, conferências e workshops internacionais, bem como avaliador de projetos de investigação. Tem servido regularmente na montagem de eventos científicos internacionais, como membro do comité administrativo (steering committee), presidente, vice-presidente ou membro da comissão organizadora, da comissão de programa e de outras comissões, palestrante (keynote speaker), apresentador de seminários (tutorial speaker), coordenador ou membro de painéis e outras sessões técnicas. Foi também presidente da CS/03 (Comissão Sectorial para a Qualidade nas Tecnologias de Informação e Comunicações), do Instituto Português da Qualidade, durante 8 anos (2000-2007), no âmbito da qual foi um dos criadores e impulsionadores da conferência internacional QUATIC, atualmente na sua 14ª edição. Foi Program Chair do QUATIC'2020 e foi eleito em 2021 Chairman do QUATIC Series Scientific Steering Committee.
Francisco Cercas tem mais de 38 anos de experiência profissional, incluindo o Ensino Secundário e na Indústria como Engenheiro de Investigação (CENTREL EID 1982-1983) antes de entrar na carreira académica em 1984. Deu aulas no IST (Instituto Superior Técnico - Lisboa) durante 15 anos, depois no ISCTE-IUL, onde é Professor Catedrático desde 2012. É ou foi investigador no CAPS, INESC, Centro de Satélites da Universidade de Plymouth (UK) e Instituto de Telecomunicações (IT), onde lidera o Grupo de Rádio IT-IUL. É co-autor de uma nova classe de códigos denominada TCH (Tomlinson, Cercas, Hughes) e mais de 200 publicações, incluindo uma patente, 4 capítulos de livros, 25 artigos de revista, mais de 150 artigos de conferência e vários relatórios de investigação internacional. Supervisionou 7 teses de doutoramento concluídas, assim como muitos Mestrados e Projectos Finais de Curso, tanto no IST como no ISCTE-IUL.Participou em vários projectos nacionais e internacionais e foi Delegado Nacional em quatro projectos europeus da COST.  Foi Presidente do Conselho Científico da Universidade (ISCTE-IUL 2015-2018), Diretor da Escola (ISTA 2010-2013) e Presidente do seu Departamento (DCTI 2007-2010).  É Membro Senior do IEEE e Coordenador Nacional das Telecomunicações na Ordem dos Engenheiros desde 2014. Os seus interesses de investigação incluem comunicações móveis e por satélite, teoria da codificação, comunicações de espectro alargado e tópicos relacionados.  
Francisco Monteiro is an Assistant Professor at the Dep. of Information Science and Technology at the University Institute of Lisbon and a researcher at Instituto de Telecomunicações in Lisbon, Portugal. He received his Eng. degree and MSc in 1999 and 2003 respectively, both from IST, University of Lisbon, where he then became a Teaching Assistant. He obtained his PhD degree from the University of Cambridge (UK) in 2012. He has been a visiting scholar at the University of Toronto (Canada) in 2007/2008 (4 months), was a visiting researcher at Lancaster University (UK) in 2014 (1 month), and was a sabbatical visiting researcher in the Centre for Wireless Communications of the University of Oulu, Finland (5 weeks), and at University Popeu Fabra, Barcelona (also 5 weeks), both in 2019. He has won two best paper awards at IEEE conferences (2004 and 2007), a Young Engineer Prize from the Portuguese Engineers Institution in 2002 (Ordem dos Engenheiros), and for two years in a row was a recipients of Exemplary Reviewer Awards from the IEEE Wireless Communications Letters (in 2014 and in 2015). He co-edited the book "MIMO Processing for 4G and Beyond: Fundamentals and Evolution", published by CRC Press / Taylor and Francis Group, in 2014. He has authored some invited papers in IEEE conferences and he was a Keynote Speaker at the DARNEC conference, Istanbul, 2015. He acts as a frequent reviewer for a number of IEEE journals and conferences, and has been serving in the organising committees of relevant IEEE and EURASIP conferences (tutorial chair and organising a number of special sessions). In 2016/2017 he was the Lead Guest Editor of a special issue on Network Coding of the EURASIP Journal on Advances in Signal Processing. In 2018 was a General Chair of ISWCS 2018 - The 15th International Symposium on Wireless Communication Systems, an IEEE major conference in wireless communications.
Professor auxiliar no Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação at ISCTE-IUL. Licenciado e mestre em Engenharia Mecânica pelo Instituto Superior Técnico, em Lisboa, e doutorado em Ciências e Tecnologias da Informação, especialidade de Inteligência Artificial, pelo ISCTE-IUL, em lisboa. Leccionou discplinas de Inteligência Artificial e de Tecnologias para Sistemas Inteligentes e lecciona actualmente a disciplina de mestrado de Criatividade Computacional e a disciplina de doutoramento de Criatividade e Computação Criativa, entre outras. Investigador da unidade de investigação ISTAR-IUL e é membro da APPIA, a associação portuguesa para a Inteligência Artificial. Interesses de investigação actuais são nas áreas de Inteligência Artificial, Criatividade Computacional e Gramáticas de Forma.  
Jorge Louçã (https://complexsystems.academy/JorgeL) é doutorado em Informática e Inteligência Artificial na Université Paris Dauphine, França e na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Portugal. É, desde 2000, professor no ISCTE-IUL, onde ensina Linguagens de Programação e Ciências da Complexidade. Fundou o Programa Doutoral em Ciências da Complexidade, curso ministrado pelo ISCTE-IUL e pela FC-UL. Foi investigador no LAMSADE - Laboratoire d’Analyse et Modélisation de Systèmes pour l’Aide à la Décision, Université Paris Dauphine, entre Outubro de 1995 e Março de 1999, e do LabMAg – Laboratório de Modelação de Agentes, Universidade de Lisboa, entre Março de 1999 e Setembro de 2011. É actualmente investigador na ISTAR/ISCTE-IUL. Coordena o grupo de investigação “The Observatorium”. Participou em vários projectos europeus e é membro da Complex Systems Society (http://cssociety.org/). 
Jorge R. Costa nasceu em Lisboa, Portugal, em 1974. Obteve a licenciatura e o doutoramento em Engenharia Electrotécnica e de Computadores pelo Instituto Superior Técnico (IST), Universidade Técnica de Lisboa, Lisboa, Portugal, em 1997 e 2002, respectivamente. Atualmente é investigador sénior no Instituto de Telecomunicações, Lisboa, Portugal, e professor catedrático do Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). As suas atuais áreas de investigação são lentes dielétricas, transmit-arrays e antenas biomédicas. É co-autor de quatro patentes e mais de 200 contribuições para revistas científicas e conferências internacionais. Mais de quarenta desses artigos foram publicados nas revistas do IEEE. O Prof. Costa desempenhou funções como editor associado da revista IEEE Transactions on Antennas and Propagation de 2010 a 2016 e foi editor convidado da Edição Especial sobre “Antenas e Propagação em Ondas milimétricas e sub-milimétricas”, da revista IEEE Transactions on Antennas and Propagation, abril de 2013. Atualmente, é editor associado da revista IEEE Open Journal of Antennas and Propagation. Foi co-presidente do comité de programa técnico da Conferência Europeia de Antenas e Propagação (EuCAP 2015) em Lisboa e vice-presidente da EuCAP 2017 em Paris. Ele é um membro sénior do IEEE.
José André R. S. Moura obteve em 1989, a licenciatura em Engenharia Eletrónica e Telecomunicações pela Universidade de Aveiro, o Mestrado em Redes de Computadores pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (Portugal), e o doutoramento (Ph.D.) em Ciências da Computação pela Universidade de Lancaster (United Kingdom). No período compreendido entre 1989 e 2000, ele desempenhou a função de Gestor de Projetos na empresa EFACEC, Sistemas de Electrónica (Portugal). Entre 2000 e 2001, ele trabalhou como Investigador no INESC-Porto (Portugal). Desde 2001, ele leciona no ISCTE-IUL diversas Unidades Curriculares, na área de Redes de Computadores, e ele tem também trabalhado como investigador no Instituto de Telecomunicações Lisboa (Portugal). Os seus interesses de investigação incluem gestão de redes, modelização de sistemas, computação na periferia da rede, otimização, virtualização de recursos, redes definidas por software, e a resiliência de sistemas com comunicação através de redes. 
José Luís Silva holds a Ph.D. in Computer Science from the Portuguese MAP-i Consortium (University of Minho, University of Aveiro and University of Porto) and performed a postDoc at the University of Toulouse (France) in collaboration with Airbus. He is Assistant Professor at Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) and member of the Laboratory of Robotics and Engineering Systems (LARSyS), Information Sciences and Technologies and Architecture Research Center (ISTAR) and IFIP TC 13 - Working Groups 13.2 and 13.10. He participated in national and international research projects and his work has been published in peer-reviewed international journals and conferences such as IEEE Access, IJHCS, ACM EICS and INTERACT. In the past he was Invited Assistant Professor at University of Madeira, Lecturer at Cávado e Ave Polytechnic Institute, member of the INESC TEC laboratory and visiting PhD student at both Georgia Institute of Technology (USA) and Newcastle University (UK). His main research interests lies upon Software Engineering, Human-Computer Interaction, Human-Robot Interaction and Ubiquitous Computing. His awards and honors include ISCTE-IUL Scientific Awards, Best Iberian Ph. D. thesis in Systems and Information Technologies from AISTI and PhD Award from Fraunhofer Portugal Challenge.
José Miguel Sales Dias holds a BSc (1985) in Electrical Engineering, a MSc (1989) in Electrical and Computer Engineering (both from Técnico IST-UTL, Portugal) and a PhD (1998) in Information Sciences and Technology, with a major in Computer Graphics and Multimedia (ISCTE, Portugal), where he is an Associated Professor with Habilitation, teaching and conducting research in Computer Graphics, Virtual and Augmented reality, Ambient Assisted Living, Human-Computer Interaction (HCI), Design Thinking and Operating Systems. Invited Professor at NOVA IMS teaching Human-Computer Interaction in Information Systems degree. Research is centered in natural and multimodal human-computer interaction, artificial intelligence, virtual and augmented reality, ambient assisted living and design thinking, targeting the digital inclusion of hearing and vision impaired citizens and elderly. Co-coordinates the Digital Living Spaces group of ISTAR, a R&D unit of ISCTE. Has been involved in entrepreneurship initiatives. Regularly commissioned by the EU and Portuguese Ministry of Economy for R&D project evaluations and reviews. Author of 1 patent, author, co-author or editor of 15 scientific books or journal editions, 17 indexed journal papers, 38 indexed book chapters, 171 other publications, workshops or keynotes in international conferences. Since 1992 participated or participates in 33 International R&D projects (ESPRIT, RACE, ACTS, TELEMATICS, TEN-IBC, EUREKA, INTERREG, FP5 IST-IPS, FP6 IST, ESA, Marie Curie, AAL, ACP, H2020, Erasmus+), and 19 Portuguese (FCT, QREN, NITEC, POSC, POCTI, POSI, ICPME, TIT, SAMA). Principal Investigator of 15 R&D projects. From 1998-2020 raised more than €12,320,764 of R&D funding to ISCTE, Microsoft and ADENE, giving an average of €440,027/year. Obtained 7 scientific prizes. Member of ACM SIGGRAPH, Eurographics, ISCA, IEEE, editorial boards of several journals and of several IPCs of National and International conferences in Computer Graphics, Virtual and Augmented Reality, Speech, Accessibility and Ambient Assisted Living. Past member (2017-2020) of the Board of Directors of ADENE, the Portuguese Energy Agency, where he oversaw the Innovation Group, the Information and Communication Technologies Unit, the Quality Control Unit and the Institutional and International Relations Unit. Past member (2018-2020) of the Board of Directors of MEDENER, the Mediterranean Association of National Agencies for Energy Management, that deals with energy efficiency and the development of renewable energy sources in the region. Past Director (2005-2016) of the first European R&D Centre in Speech and natural HCI technologies of Microsoft Corporation, in Portugal (Microsoft Language Development Center, MLDC), where he collaborated closely with global Microsoft software product groups (in USA, China and Europe) and local teams of marketing, finance, human resources, IT, sales and services. Past President of ADETTI an ISCTE R&D center. Past Vice-president of the GPCG, Eurographics Portuguese Chapter. Born in December 1st 1961, happy father of two girls and one boy. https://www.researchgate.net/profile/Miguel_Dias2/  http://orcid.org/0000-0002-1445-2695 https://scholar.google.pt/citations?user=48Zq8ecAAAAJ&hl=pt-PT
 João C. Ferreira é Professor auxiliar com agregação do ISCTE-IUL. Licenciou-se em Física pela Universidade Técnica de Lisboa (UTL / IST), Portugal, recebeu um Mestrado em Telecomunicações e um doutoramento em Engenharia Informática pela UTL / IST e um segundo doutoramento em Engenharia Industrial na Universidade do Minho. Seus interesses de investigação sao na: ciência dos dados, Text Mining, IoT, AI, IoT and AI application health, energy, transportation, segurança redes, Blockchain, Veículo Eléctrico, Sistemas transporte inteligente (ITS) e sistemas de mobilidade sustentável. Ele é autor de mais de 250 artigos na ciência da computação. Executou mais de 30 projetos (6 como PI), mais de 180 revisões de artigos científicos e mais de 25 avaliação de projectos científicos. Presidente do CIS IEEE 2016-2018 e organizador principal de conferências internacionais como: OAIR 2013, INTSYS 2018, INTSYS 2019 e INTSYS2020. IEEE sénior member desde 2015. Guest Editor and topic editor da MDPI nos temas da energies, electronica e Sensores. Presidente do CIS em PT da IEEE  (2017-2018). Autor de patente na area do Edge Computer num sistema de monitorizaçao de embarcações de pesca Coordenador do Mestrado de sistemas de apoio a decisão e das escolas de verão (smart cities) e de inverno (Sistemas de IoT e blockchain) 2019 e 2020. Esta a participar nos seguintes projetos - H2020 Infrastress, Sparta, ENSURECEC e MARISA, ANDANTE, Interreg Block4Coop, BALCAT, AIM Health, PT2020 Monitoriçao persistente Pista e Multicam e no Digital Demo
Engenheiro Aeroespacial, especialização em aviónica. Doutoramento em Telecomunicações. MBA e Mestrado de Gestão Perito em tecnologia e gestão, com interesses em estratégia e finanças.
Juan A. Acebrón received the Ph.D. degree in Mathematical Engineering from Universidad Carlos III de Madrid (Spain), in 2000. From 2000 to 2012, Acebrón was a visiting Researcher at the Rome Supercomputing Center (Rome, Italy); the Department of Physics, University of California, San Diego; the Department of Information Engineering, Universita di Padova (Padova, Italy); University of Alcala (Madrid, Spain), University Rovira-Virgili (Tarragona, Spain), and Instituto Superior Tecnico (Lisbon, Portugal). Acebrón is currently a Researcher at INESC-ID and an Assistant Professor at the Instituto Universitario de Lisboa ISCTE-IUL (Lisbon, Portugal), Information Science and Technology Department. His main research interests are in computational mathematics, mainly developing efficient and scalable algorithms for high performance supercomputing and random dynamical systems.
Luís Miguel Martins Nunes, graduated in Computer Science from the Faculty of Sciences of the University of Lisbon (1993), obtained a master's degree in Electrical and Computer Engineering from the Instituto Superior Técnico (1997, thesis supervised by Prof. Borges de Almeida) and a doctor's degree in Computer Science Engineering from the Faculty of Engineering of the University of Porto (2006, thesis supervised by Prof. Eugénio de Oliveira). He is a teacher at ISCTE-IUL since 1997 and a researcher in the area of Machine Learning.
Maria Pinto-Albuquerque é Prof.ª Auxiliar no Iscte - Instituto Universitário de Lisboa e investigadora no Istar-Iscte. O seu trabalho de investigação foca-se na relação da pessoa, como utilizador ou criador, com o sistema computacional. A investigação sobre a relação pessoa-sistema tem sido desenvolvida  nos tópicos de consciência (awareness) em cibersegurança, alinhamento de segurança e usabilidade, e engenharia de requisitos. Tem desenvolvido ferramentas e técnicas, tais como jogos sérios (serious games) e técnicas que usam a criatividade, promovendo a utilização e desenvolvimento eficientes, responsáveis e seguros de sistemas informáticos, quer pelos utilizadores, quer pelos engenheiros de sistemas e todo o tipo de stakeholders (co-criadores estes sistemas).  Tem colaborado, em particular com o Bristol Cybersecurity Group (Univ. of Bristol, UK), UniBW Information Systems Group (University of the Federal Armed Forces Munich), and Security Life Cycle Group of Siemens Technology, Munich. No âmbito da sua colaboração com o Bristol Cyber Security Group fez parte da equipa que desenvolveu o jogo, para cybersecurity awareness, Decisions and Disruptions, http://www.decisions-disruptions.org/. Este jogo foi adaptado pela City of London Police, e ganhou o UK National Innovation in Cyber Award 2020, https://thenationalcyberawards.org/virtual-awards-ceremony-2020/. Licenciada em Matemática Aplicada e Computação pelo Instituto Superior Técnico. Mestre em Informática pela Fac. Ciências, Univ. Lisboa. Doutoramento em Computer Science na Univ. of Lancaster, UK. É membro do IEEE, ACM, Iscte Alumni, Lancaster University Alumni, e da British Computer Society.  
Nuno David é professor no ISCTE - IUL. Ministra "Ética Profissional, Computação e Sociedade" e o módulo de Ética e Privacidade na unidade curricular "Segurança, Ética e Privacidade", nos cursos de Mestrado em Engenharia Informática e de Licenciatura em Ciência de Dados.É Encarregado de Proteção de Dados do ISCTE-IUL.Seus interesses incluem simulação social, modelos baseados em agentes, ética computacional, privacidade e proteção de dados, filosofia da ciência da computação, epistemologia das ciências sociais computacionais e, em particular, as implicações de abordagens computacionais e interdisciplinares para as teorias e metodologias das ciências sociais.É licenciado em Engenharia Informática pela Universidade de Coimbra, Mestre e Doutorado em Informática pela Universidade de Lisboa e Universidade de São Paulo, Brasil.  
Nuno Guimarães, Full Professor (Professor Catedrático) at ISCTE-IUL, graduated in Electrotechnical Engineering at the Technical University of Lisbon, Instituto Superior Técnico, Portugal, in 1983, where he also completed his MsC (1987) and PhD (1992). He received the title of Agregado em Informática in July 1999, from the University of Lisbon. From 1986 to 1997, he taught at the Electrotechnical and Computer Engineering Department of IST/UTL, and from 1997 to 2012 at the Informatics Department of the Faculty of Sciences, University of Lisbon. He was Dean of the Faculty of Sciences of the University of Lisbon (2003-2009). In 2014 and 2019 he was Visiting Scholar at the Indian Institute of Technology in Gandhinagar, India. In 2010, he was Invited Professor at the Technical University of Berlin, Institut für Psychologie und Arbeitswissenchaft, Fak V - Verkehrs- und Maschinensysteme. --- From 1982 to 1997, he was a researcher of INESC, Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Lisbon, Portugal, and is a member of LASIGE/FCUL since 1997. From 1989 to 1991, he was a consultant for Bell Labs, AT&T, Murray Hill, New Jersey, "Software Systems Principles Research Lab''. He was a member of Executive Board of PUUG (Portuguese Unix Users Group)(1992-1998), one of the individual founders of Eunet Portugal, later KPNQwest Portugal. From 1996 to 2001, he co-founded of Ergoprocesso (Consulting services), 4VDO - Sistemas e Serviços Multimédia SA (Video indexing services) and OnTV - Sistemas e Serviços de Televisão Interactiva SA (Interactive Television Systems integrator). --- ACM Senior Member (since 2012), Member of ACEEU (www.aceeu.org), Member (Mgmnt) of ISOC (PT)
Nuno Miguel de Figueiredo Garrido. Publicou 2 artigos em revistas especializadas. No seu currículo Ciência Vitae os termos mais frequentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Filtros contínuos adaptativos; Comparação de estruturas de filtros; Igualação de sinal; Tecnologia digital CMOS; Processamento de sinal em corrente; Circuitos de transcondutância CMOS; Baixo consumo; Muito-alta-frequência; Área reduzida; Baixo-custo; Baixa complexidade; Continuous-time adaptive filters; Filter structure comparison; Signalequalization; Standard digital CMOS technology; Current-mode signal processing; CMOStransconductors; Low consumption; Very high frequency; Low area; Low cost; Low complexity; Smart parking; Smart cities; Prototype; Parking; Arduino; Raspberry Pi; Android; iOS; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Eletrotécnica, Eletrónica e Informática; Smart parking; Smart cities; Prototype; Parking; Arduino; Raspberry Pi; Android, iOS; .
O Professor Pedro Ramos é Professor Catedrático do ISCTE-IUL Instituto Universitário de Lisboa. É doutorado em Ciências e Tecnologias da Informação, Mestre em Sistemas de Informação de Gestão. Entre 1999 e 2013 coordenou mestrados na área de Sistemas de Informação. Coordena disciplinas na área de sistemas de informação em diversas licenciaturas. Tem experiência no desenvolvimento de sistemas informáticos em diversas organizações empresariais e tem participado regularmente em projectos europeus financiados
Ricardo A. Fonseca nasceu em Lisboa, Portugal a 11 de setembro de 1973. Licenciou-se em Eng.ª Física Tecnológica pelo Instituto Superior Técnico em 1996 e junto ao Grupo de Lasers e Plasmas deste Instituto. Em 2000 passou um ano na Universidade da Califórnia em Los Angeles onde trabalhou na modelização numérica da interação laser-plasma a alta intensidade. Doutorou-se em Física pela Universidade Técnica de Lisboa em 2002, focando a sua tese em aceleração de electrões pela interação laser-plasma. Publicou mais de uma centena de artigos científicos em jornais internacionais de topo tendo sido citado mais de 6000 vezes. Em 2003 obteve uma posição permanente no ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa. De setembro de 2013 a novembro de 2018 foi o Diretor da Escola de Tecnologias e Arquitetura deste instituto, onde atualmente é Professor Catedrático de Física e Eletromagnetismo.
Ricardo Ribeiro has a PhD (2011) in Information Systems and Computer Engineering and an MSc (2003) in Electrical and Computer Engineering, both from Instituto Superior Técnico, and an undergraduate degree (1996) in Mathematics/Computer Science from Universidade da Beira Interior. From 1999 to 2011, he was a Lecturer at the Lisbon University Institute (ISCTE-IUL), where he is now an Assistant Professor and the Director of the Computer Engineering undergraduate programme. Since 1996, he has been a researcher at INESC-ID Lisboa, Portugal, working in speech and language processing. He is a member of the Spoken Language systems Laboratory of INESC-ID since its creation in 2001. His current research interests focus on the following areas: high-level information extraction from unrestricted text or speech, and improving machine-learning techniques using domain-related information. He has participated in several European and Nationally-funded projects, organized several scientific events and was a member of the program committee of several others, and edited a book on the computational processing of Portuguese.
Rui J. Lopes nasceu a 21 de Abril de 1970 em Lisboa. Licenciou-se em Engenharia Electrotécnica e de Computadores em 1993 pelo Instituto Superior Técnico da Universidade Técnica de Lisboa onde também obteve o grau de Mestre em Engenharia Electrotécnica e de Computadores em 1996 desenvolvendo trabalhos de simulação de sistemas de comunicações móveis sob a orientação do Professor José Manuel Brázio. Em 2005 obteve o grau de Doutor em Computer Science pela Universidade de Lancaster, Reino Unido, como resultado da investigação sobre sistemas multimédia distribuídos para suporte à norma ISO/MPEG-7, sob a supervisão do Professor David Hutchison. A sua actividade profissional tem sido dividida entre o ensino no sistema de ensino superior e a investigação. Iniciou a sua actividade docente em Outubro de 1996 como Assistente do 1º Triénio na Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Castelo Branco onde contribuiu para o início do Bacharelato em Engenharia Electrotécnica e de Telecomunicações. Entrou para o Departamento de Ciências e Tecnologias da Informação do ISCTE em Outubro de 1997 onde é, desde Outubro de 2005, Professor Auxiliar. Tem leccionado unidades curriculares dos três ciclos de estudos em diferentes áreas, principalmente em ciência de redes, redes de computadores e serviços em rede. Supervisionou o trabalho de mais de uma dúzia de disertações de mestrado e cinco teses de doutoramento, duas das quais já  concluídas com a classificação mais elevada. Para além da sua actividade docente, contribuiu significativamente para a actividade do ISCTE tendo promovido vários programas de internacionalização (v.g., Erasmus e IAESTE) e foi, entre Janeiro de 2018 e Setembro de 2020, o director do programa doutoral em Ciências da Complexidade (leccionado em conjunto com a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa). A sua actividade de investigação foi desenvolvida principalmente no Instituto de Telecomunicações (IT) e centra-se no estudo de sistemas complexos e redes com várias áreas de aplicação: dos sistemas multimédia em rede aos sistemas sociais. Neste contexto, está particularmente interessado no estudo e caracterização de processos e mecanismos dinâmicos em hiperredes multicamada. No seu currículo Ciência Vitae os termos mais frequentes no contexto da produção cultural, científica, tecnológica e artística são: futebol; anotação; aplicação móvel; distribuição; crowd-sourcing; Multilevel hypernetworks; Dinâmica; Sinergias de equipas; Comportamento colectivo de equipas; Análise de desempenho; Sistemas complexos; Redes; Clustering.  
Rui Neto Marinheiro concluiu, em 1995, na Universidade do Porto a licenciatura em Engenharia Electrotécnica e de Computadores, especialização em Telecomunicações e Computadores, tendo prosseguido de imediato os seus estudos para doutoramento, em Eletrónica e Informática, com uma bolsa FCT, concluídos em 2001 na University of Southampton, Reino Unido, sob a orientação da professora Wendy Hall.  Após regressar a Portugal, iniciou no ISCTE-IUL a sua atividade pedagógica, sendo atualmente professor associado. Lecionou até à data dezenas unidades curriculares, em todos os níveis de ensino, sendo atualmente diretor do Curso de Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática. Orientou, até à data, cerca de 20 estudantes de mestrado, quase todos com publicações científicas associadas, e tem neste momento 2 estudantes em início de doutoramento. Adicionalmente tem participado num número muito significativo de programas de formação contínua e de serviço de cooperação e consultadoria a outras instituições.  No ISCTE-IUL tem-se também dedicado a atividades de gestão académica incluindo a introdução do ensino em e-Learning no ISCTE, a coordenação do Centro de Audiovisuais e a coordenação de laboratórios. Mais recentemente tem se envolvido em iniciativas que promovam a mobilidade como os programas Erasmus+ e o recrutamento de estudantes internacionais. Participou em muitos projetos internacionais e nacionais, tendo sido o investigador principal ou local de alguns desses projetos. Tem participado também na organização de um número assinalável de eventos científicos, e tem dezenas de publicações científicas internacionais na área das redes de computadores, incluindo arquiteturas de redes, mobilidade e redes heterogéneas, arquitetura de comunicação e sistemas para a internet das coisas, redes definidas por software, e protocolos de controlo de acesso ao meio.
Rúben Pereira é Professor auxiliar no ISCTE. Doutorado em Sistemas de Informação pelo Instituto Superior Técnico (IST) onde também se formou como Mestre em Engenharia Informática e de computadores. Passou, entretanto, como consultor, por diversas industrias como: serviços, banca, telecomunicações, Ecommerce, entre outras. Apresenta-se como autor de diversos trabalhos científicos, publicados em conferências/revistas/livros internacionais, na área de Gestão de Serviços de Tecnologias de Informação (ITSM) e Governação das Tecnologias de Informação (ITG). As suas áreas de interesse científico estendem-se a: Gestão do risco das tecnologias de informação (ITRM), gestão de processos de negócio (BPM), melhoria continua e inovação, otimização de processos, entre outros. É também um apaixonado por empreendedorismo, tendo sido já co-founder de três projetos, um deles vencedor da Fábrica de Startups e finalista no EDP Inovação.
Sérgio de Almeida Matos, nascido a 3 de novembro de 1981, natural de Torres Vedras, licenciou-se, em regime pré-Bolonha, no curso de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores (LEEC) do Instituto Superior Técnico (IST) da Universidade de Lisboa, em 2004. Em 2005, obteve, pelo mesmo instituto, o grau de Mestre (regime pré-Bolonha) em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores. Em 2010, terminou o programa de Doutoramento em Engenharia Eletrotécnica e Computadores do IST, como bolseiro da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) com a classificação de muito bom com distinção.  A sua atividade de docência iniciou-se no ano letivo de 2004/2005 como monitor do departamento de engenharia eletrotécnica e computadores (DEEC) do IST. Em 2009 foi contratado como professor auxiliar convidado do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL), tendo lecionado várias unidades curriculares (UCs) do Departamento de Ciências e Tecnologia da Informação (DCTI). Desde 2012 é Professor Auxiliar do DCTI tendo obtido a nomeação definitiva em 2017. É coordenador das UCs Eletromagnetismo e Propagação e Radiação de Ondas Eletromagnéticas desde o ano letivo de 2013/2014. Foi coorientador de duas dissertações de mestrado e de uma tese de doutoramento no IST, tendo esta última sido distinguida com o Prémio Professor Abreu Faro. No ISCTE-IUL foi orientador de uma dissertação de mestrado. Atualmente, está a orientar uma tese de doutoramento (desde 2016) e de uma dissertação de mestrado (desde 2018) no ISCTE-IUL.  Integra, desde 2004, o grupo de investigação de Rádio, Micro-ondas e Ondas Milimétricas do Instituto de Telecomunicações (IT). É também investigador integrado na delegação IT-IUL no grupo de antenas e propagação. Tem vindo a publicar vários trabalhos de investigação em diversas áreas da física e das telecomunicações, estando a sua atual investigação centrada no desenvolvimento de antenas para ondas milimétricas no âmbito das novas gerações de comunicações via satélite e moveis (5G). Durante a sua atividade de investigação publicou 17 artigos em revista internacionais e 64 comunicações em atas de congressos internacionais. É investigador nuclear de dois projetos nacionais financiados pela FCT e num projeto internacional financiado pela Agência Espacial Europeia (ESA-ESTEC).  Foi também delegado nacional em duas ações COST. Tem ainda experiência como membro de organização de uma conferência, estando atualmente contratado pela EurAAP na gestão da plataforma EDAS para a organização da conferência EUCAP2019. É ainda membro fundador do capítulo de instrumentação e medida português do IEEE. Desempenha com regularidade funções de revisor para várias revistas na área de antenas. 
Sérgio Moro (Agregação e Doutoramento em Ciências e Tecnologias de Informação) é Professor Associado no ISCTE-IUL e Sub-Director e Cordenador do Grupo de Sistemas de Informação do ISTAR-IUL. Sérgio é um Data Scientist interdisciplinar que procura descobrir padrões de conhecimento através de abordagens baseadas em dados. Os seus interesses de investigação incluem Business Intelligence, Data Mining, Data Science, e Sistemas de Suporte à Decisão aplicados a problemas reais em áreas como Marketing, Banca, e Turismo. Ele publicou em domínios como Sistemas de Informação e Gestão de Informação (e.g., Decision Support Systems, Expert Systems with Applications, International Journal of Information Management, Journal of Information Science), Marketing (e.g., European Journal of Marketing, Journal of Business Research, Journal of Retailing & Consumer Services), Hospitalidade & Turismo (e.g., Tourism Management, Annals of Tourism Research, International Journal of Hospitality Management, Journal of Hospitality & Tourism Research, International Journal of Contemporary Hospitality Management), and Aplicações à Indústria (e.g., Telematics and Informatics, Computers in Industry). O seu portfólio de publicações inclui um total de 65 revistas peer-reviewed, das quais 42 são classificadas em Q1 e 16 em Q2. Sérgio trabalhou durante 15 anos (2001-2016) no Banco Montepio, dos quais os 3 últimos e meio como Coordenador de Projetos de Business Intelligence e Analytics, incluindo projetos como Analytical CRM, IRB (internal ratings-based approach to capital requirements for credit risk), ALM (Asset-Liability Management), e GRC (Governance, Risk and Compliance). Sérgio possui uma Licenciatura em Engenharia Informática e de Computadores (Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa), um Mestrado em Gestão de Sistemas de Informação (ISCTE-IUL), e um Doutoramento em Ciências e Tecnologias de Informação (ISCTE-IUL). Sérgio é Associate Editor da revista Expert Systems, Wiley (Q2) e faz parte do Editorial Board da revista Tourism Management Perspectives (Q1). Está entre os top 2% investigadores a nível mundial para o ano de 2020, de acordo com um estudo baseado na Scopus (https://elsevier.digitalcommonsdata.com/datasets/btchxktzyw/3).
Tiago Alves nasceu em Lisboa, Portugal, em 1982. Licenciou-se em Engenharia Electrotécnica e de Computadores pelo Instituto Superior Técnico (IST), Universidade Técnica de Lisboa, em 2006, com especialização principal na área científica de Telecomunicações e, secundária, na área científica de Energia. Obteve o grau de doutor em Engenharia Electrotécnica e de Computadores em 2011, no IST, com a classificação de Aprovado com Muito Bom com Distinção. A tese de doutoramento tratou de sistemas de sinais rádio de banda ultra-larga sobre fibra óptica.  Foi co-orientador de 15 dissertações de Mestrado pós-Bolonha e de uma tese de Doutoramento. Em 2006, entrou como investigador para o Grupo de Comunicações Ópticas (CO) do pólo de Lisboa do Instituto de Telecomunicações (IT) onde é actualmente investigador sénior no âmbito do programa “Investigador FCT” financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. Desde 2018, é também Professor Convidado na Escola de Tecnologias e Arquitectura (ISTA) do ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa. Participou numa rede de excelência internacional, em dois projectos europeus e em cinco projectos nacionais de investigação e desenvolvimento na área das telecomunicações por fibra óptica. Participou ainda num projecto de cooperação com o Brasil na área das redes ópticas. Actualmente, está inserido na equipa de investigação de um projecto nacional, onde é coordenador local, e é ainda coordenador de um projecto exploratório no âmbito do programa “Investigador FCT”.  Tem sido revisor regular das seguintes publicações internacionais: IEEE/OSA Journal of Lightwave Technology, IEEE Photonics Technology Letters, IET Optoelectronics, Optics Express, Optical and Quantum Electronics, Optics Letters e Chinese Optics Letters. É autor ou co-autor de mais de 40 artigos em revistas científicas internacionais e de mais de 65 comunicações em conferências internacionais. 
Vitor Basto Fernandes licenciou-se em informática de gestão em 1995 (incluindo um estágio na Ascom tecnologia AG - Suíça), fez uma especialização em sistemas distribuídos em 1997 e obteve o seu doutoramento em protocolos de transporte multimédia em 2006, todos na Universidade do Minho (Portugal), onde realizou também atividades de docência. Trabalhou na Integral Vision Inc (Reino Unido) como engenheiro de software em 1996 e foi co-fundador da PSI-Sistemas de Informação Lda (Portugal) em 1997, onde foi sócio-gerente e gestor de projetos em desenvolvimento de software web e de suporte a comércio eletronico B2B (business-to-business). A partir de 2005 lecionou na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (Portugal), onde foi professor auxiliar convidado em 2007 e 2008. Em 2008 ingressou no Departamento de Engenharia Informática do Instituto Politécnico de Leiria (Portugal) como professor adjunto, onde foi professor coordenador entre 2014 e 2016. Coordenou o Mestrado em Engenharia Informática -  Computação móvel entre 2010-2012, foi coordenador do Centro de Investigação em Informática e Comunicações do Instituto Politécnico de Leiria entre 2012-2016, investigador em vários projectos internacionais nas áreas de integração de sistemas de informação, filtragem anti-spam e otimização multiobjetivo, e investigador principal em dois projetos financiados pela FCT (Fundação para a Ciência e a Tecnologia) nas áreas de gestão e internacionalização da investigação. Publica regularmente em conferências e revistas, e tem organizado eventos internacionais nas suas áreas de investigação. Vitor Basto-Fernandes é atualmente professor auxiliar com agregação no Iscte - Instituto Universitário de Lisboa.
Docentes convidados(as)/visitantes
I was born in Belo Horizonte, Minas Gerais - Brazil. I 'm a PhD in Information Sciences and Technologies, in the field of Information Studies, at ISCTE-IUL (Portugal). I graduated in Business Administration and hold my Master degree in human resources. I worked for 6 years as a college teacher in the courses of Business Management, Engineering and Information Systems at a graduation level and Methodology at a post-graduation level. Furthermore, I worked as a coordinator of the post-graduation level in Human Resource Management. For 5 years I worked at Belo Horizonte City Hall as an analyst in the Human Resources area and for 2 years as manager of a gym.
Adriano Lopes é doutorado em Informática pela Universidade de Leeds, Reino Unido e Investigador no ISTAR-Instituto Universitário de Lisboa. Anteriormente, foi Professor Auxiliar no Departamento de Informática da FCT-Universidade Nova de Lisboa e no Departamento de Matemática da FCT-Universidade de Coimbra, tendo exercido também funções docentes no Instituto Politécnico de Leiria, Universidade Autónoma de Lisboa e Academia da Força Aérea. Exerceu também funções de gestão de equipas de desenvolvimento numa empresa de Tecnologias de Informação. Foi responsável e lecionou, entre outras, disciplinas de Introdução à Programação, Programação Orientada por Objetos, Computação Gráfica e Interfaces, Algoritmos e Estruturas de Dados, Teoria da Computação e Sistemas Multimédia. Como investigador, foi membro no CISUC (Centro de Informática e Sistemas da Universidade de Coimbra) e posteriormente no CITI (Centro de Informática e Tecnologias da Informação) da FCT/UNL. Participou e orientou trabalhos de investigação financiados pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, alguns dos quais relacionados com dissertações de mestrado e de doutoramento.
Alessandro Marinho Pinheiro nasceu no Rio de Janeiro em 1973, atualmente reside em Queluz, é Doutorando em Ciências e Tecnologias da Informação (previsão de término em 02/2021), Mestre em Gestão de Empresas (2014), Especialista em Marketing (2005) e Licenciado em Gestão de Empresas (2003). Atuou como Professor do Ensino Superior, no Brasil, por quinze anos (até Junho de 2018), dedicando-se atualmente ao aprimoramento acadêmico no programa doutoral em CTI (Ciências e Tecnologias da Informação) no ISCTE-IUL.
Catarina Cruz obteve o grau de Licenciada e Mestre em engenharia de telecomunicações e informática pelo Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) em 2009 e 2011, respectivamente. Terminou, em 2018, o doutoramento em engenharia electrotécnica pelo Instituto Superior Técnico. Desde 2011 que se tornou investigadora no Instituto de Telecomunicações, sendo o seu trabalho focado no desenvolvimento de antenas para comunicações wireless. Os actuais interesses de investigação são nas áreas de antenas para identificação por radio-frequência, antenas dieléctricas para aplicações em ondas milimétricas, antenas e propagação para sistemas de comunicação e lentes. Catarina Cruz é ainda professor Assistente convidada no Departamento de ciências e Tecnologias da Informação no ISCTE-IUL e professora na Escola Profissional de Salvaterra de Magos.
Joana Martinho Costa é investigadora integrada no ISTAR e professora auxiliar convidada no ISCTE-IUL. O seu background académico inclui licenciatura em Engenharia Informática pela Universidade Nova de Lisboa, mestrado em Ensino de Informática e doutoramento em Educação na especialidade de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação pela Universidade de Lisboa. É também certificada como formadora pelo Conselho Científico-Pedagógico de Formação Contínua. A Joana tem publicado nos domínios de Educational Technology, Technology enhanced learning e Computer Science Education. Os seus trabalhos incluem a autoria e co-autoria de treze artigos científicos, dos quais nove estão publicados em revistas indexadas no Scopus nos Quartis 1 e 2, e co-autoria de um livro internacional. Em 2021 foi Discussant na conferência anual da American Educational Research Association, na secção Using Technology in Education. Os seus interesses de investigação centram-se em computer science education, ensino e aprendizagem mediado por tecnologia, tecnologia educativa e sistemas de informação em educação. 
Luís Manuel Nobre de Brito Elvas, licenciado em Engenharia Informática e mestrado em  Sistemas Integrados de Apoio à Decisão é aluno de Doutoramento em Ciências e Tecnologias da Informação (CTI) e investigador na Associação Para Investigação e Desenvolvimento da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (AIDFM). No ano letivo 2020-2021 deu apoio nas aulas e Hands-on do Mestrado em Sistemas Integrados de Apoio à Decisão, no ISCTE. Já no letivo de 2021-2022, atuará como Professor Assistente nas disciplinas de Extração de Padrões e Conhecimento Guiada por Dados e Tomada de Decisão Baseada em Dados.